Futuros médicos da UMinho apoiam idosos isolados
01 de Setembro, 2016

O Núcleo de Estudantes de Medicina da Universidade do Minho (NEMUM) promove a terceira edição do projeto “Aldeia Feliz”, que visa dar apoio médico a cerca de 200 idosos isolados de seis aldeias do concelho dos Arcos de Valdevez.

As visitas ao domicílio, que decorrem de quinta-feira a domingo, incluem rastreios cardiovasculares, identificação de problemas de saúde e mobilidade, bem como a avaliação das condições de habitabilidade e o grau de dependência.

Este programa de intervenção conta com a participação de 26 estudantes voluntários de Medicina que, ao longo de quatro dias, farão a avaliação de múltiplos fatores de risco e determinantes da qualidade de vida dos idosos das aldeias situadas na zona do Parque Nacional Peneda-Gerês.

As primeiras visitas ao domicílio realizam-se esta quinta-feira, dia 1, nas aldeias de Sistelo e Cabreiros.

As equipas de intervenção arrancam às 13h00 do centro do município.

Informação em destaque
Café com Ambiente assinala Dia Mundial da Água
22 de Março, 2017
UMinho está a mapear as empresas familiares portuguesas
22 de Março, 2017
Hospital de Guimarães debate absentismo de crianças e jovens
21 de Março, 2017
Curtir Ciência celebra Dia Mundial da Água
22 de Março, 2017
José Lopes apresentado como Provedor do Idoso de Guimarães
22 de Março, 2017
Ministro do Trabalho na UM para falar sobre pobreza infantil
21 de Março, 2017
Publicidade