CVR da UMinho rentabiliza casca de ovo para tratar efluentes
14 de Novembro, 2014
O CVR - Centro para a Valorização de Resíduos da Universidade do Minho está a valorizar a casca de ovo para tratar efluentes contaminados.
O projeto vai ser divulgado pelo investigador André Ribeiro esta sexta-feira, às 10h30, no CVR, situado no campus de Azurém, em Guimarães.
A sessão insere-se na “Jornada sobre Valorização de Resíduos da Indústria Agroalimentar”, do projeto Provalue, que junta o conhecimento tecnológico e as pequenas e médias empresas (PME) do sudoeste europeu, para encontrar novas formas de rentabilizar aquele tipo de resíduos.
A “Jornada sobre Valorização de Resíduos da Indústria Agroalimentar” decorre das 10h00 às 12h30 no CVR.
Informação em destaque
'Green Key':Município de Guimarães promove ação de sensibilização
23 de Novembro, 2022
Vimágua distinguida com Selo de Qualidade Exemplar
23 de Novembro, 2022
'A Cozinha' renova estrela Michelin
23 de Novembro, 2022
“Os Gigantes da Montanha” na ASMAV
23 de Novembro, 2022
Mulheres:Guimarães assinala dia para a eliminação da violência
23 de Novembro, 2022
BACF promove campanha de recolha de alimentos - 26 e 27 Nov
22 de Novembro, 2022
Publicidade