UM quer construir travessas de caminho-de-ferro com resíduos
11 de Setembro, 2014
A Escola de Engenharia da Universidade do Minho está a desenvolver travessas para caminho-de-ferro recorrendo a resíduos de plásticos mistos.
O objetivo principal é apresentar uma aplicação técnica que permita reduzir significativamente os milhões de toneladas de resíduos de plástico indiferenciado.
O trabalho está a ser desenvolvido no PIEP – Pólo de Inovação em Engenharia de Polímeros da UMinho, em Guimarães, e conta com o financiamento da Sociedade Ponto Verde.
Informação em destaque
Acidente provoca ferimentos a casal em Polvoreira
30 de Abril, 2017
Grupo Folclórico de S. Torcato celebra 60 anos com homenagem
30 de Abril, 2017
2º eliminatória do Concurso de Bandas Emergentes do 'Sons à Margem'
29 de Abril, 2017
Convívio assinala Dia Internacional do Jazz
30 de Abril, 2017
Executivo Vimaranense reúne esta quinta-feira
27 de Abril, 2017
Julgado Subcomissário da PSP que agrediu adepto do Benfica
29 de Abril, 2017
Publicidade