UM quer construir travessas de caminho-de-ferro com resíduos
11 de Setembro, 2014
A Escola de Engenharia da Universidade do Minho está a desenvolver travessas para caminho-de-ferro recorrendo a resíduos de plásticos mistos.
O objetivo principal é apresentar uma aplicação técnica que permita reduzir significativamente os milhões de toneladas de resíduos de plástico indiferenciado.
O trabalho está a ser desenvolvido no PIEP – Pólo de Inovação em Engenharia de Polímeros da UMinho, em Guimarães, e conta com o financiamento da Sociedade Ponto Verde.
Informação em destaque
Irmandade da Penha celebra festa da padroeira
21 de Julho, 2019
Fase II de obras no Serviço de Urgência do HSO
21 de Julho, 2019
Terra – ciclo de músicas do mundo
20 de Julho, 2019
Exposição ‘Avé Ave’ de Nuno Machado
21 de Julho, 2019
Reunião do Executivo realiza-se esta quinta-feira
18 de Julho, 2019
Encontro de Folclore na Vila de Caldas das Taipas
21 de Julho, 2019
Publicidade