Companhia Paulo Ribeiro leva dança ao CCVF
09 de Maio, 2014
Este fim-de-semana, 09 e 10 de maio, às 22h00, no Grande Auditório do Centro Cultural Vila Flor vão estar em palco três solos da Companhia Paulo Ribeiro.
O primeiro, na sexta-feira, é um solo coreografado e interpretado pelo próprio, “Sem um tu não pode haver um eu”. Depois de anos afastado dos palcos, Paulo Ribeiro interpreta uma peça que o próprio coreografou, inspirado nos universos infinitos de Ingmar Bergman. No sábado, Leonor Keil interpreta dois solos. O primeiro, com coreografia de Tânia Carvalho. “Como é que eu vou fazer isto?” partiu da inquietação da coreógrafa quando foi desafiada para criar um espetáculo a propósito dos 21 anos de carreira de Leonor Keil.
O segundo solo “Bits & Pieces”, da coreógrafa Olga Roriz, volta a unir as duas artistas depois de anos sem trabalharem juntas para se redescobrirem de novo.
Mas ainda na sexta-feira, após o solo de Paulo Ribeiro, os The Black Mamba apresentam-se, ao vivo, no Café Concerto do Centro Cultural Vila Flor para apresentar o novo trabalho. O concerto tem início à meia-noite.
Informação em destaque
Café com Ambiente assinala Dia Mundial da Água
22 de Março, 2017
UMinho está a mapear as empresas familiares portuguesas
22 de Março, 2017
Hospital de Guimarães debate absentismo de crianças e jovens
21 de Março, 2017
Curtir Ciência celebra Dia Mundial da Água
22 de Março, 2017
José Lopes apresentado como Provedor do Idoso de Guimarães
22 de Março, 2017
Ministro do Trabalho na UM para falar sobre pobreza infantil
21 de Março, 2017
Publicidade