AAUMinho lança Manifesto Estudantil do 1.º de Maio
03 de Maio, 2021
Para assinalar o 1.º de Maio, Dia do Trabalhador, a Associação Académica da Universidade do Minho enviou um Manifesto Estudantil ao Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social e também à Reitoria da Universidade do Minho, a propósito de temas impactantes no quotidiano dos trabalhadores-estudantes e procurando salvaguardar, simultaneamente, os estudantes que estão prestes a ingressar no mercado laboral.
Em comunicado, a AAUMinho refere que “com este Manifesto pretende tomar uma posição pública em defesa da valorização do conhecimento e emprego qualificado, de um mercado de trabalho verdadeiramente inclusivo e do trabalho digno e emancipação jovem, situação que se viu e vê agravada pelo contexto pandémico e que coloca os jovens numa posição de injustiça social, forçados a recorrer, frequentemente, ao trabalho informal”.
Apresenta, ainda, propostas de revisão do Estatuto de Trabalhador-Estudante, tendo em vista a promoção do sucesso escolar destes alunos e alertando para uma maior celeridade nos processos burocráticos de atribuição do Estatuto.
Informação em destaque
UMinho: 13ª Start Point Summit arranca hoje
19 de Outubro, 2021
"Os que Nele Habitam” apresentado a 31 de outubro
19 de Outubro, 2021
Rede de Teatros com Programação Acessível apresentada hoje
19 de Outubro, 2021
MAS: exposição Guimarães Project Room até 5 dez
19 de Outubro, 2021
'Os Verdes': cumprimento do rácio de funcionários na SCMG
19 de Outubro, 2021
“Manual de Economia Política” apresentado na UMinho
19 de Outubro, 2021
Publicidade