Portugal volta ao confinamento às 00h00 de sexta-feira
14 de Janeiro, 2021
Portugal volta ao confinamento geral à meia-noite. As medidas são semelhantes àquelas que vigoraram durante março e abril do ano passado. Aplicam-se no âmbito do novo de estado de emergência, sendo revistas dentro de duas semanas:
 
- Recolhimento domiciliário
 
- Teletrabalho obrigatório
 
- Creches, escolas e universidades abertas, em regime presencial
 
- Serviços públicos, mediante marcação
 
- Consultórios, dentistas e farmácias abertos
 
- Cerimónia religiosas permitidas de acordo com normas da DGS
 
- Comércio encerrado, salvo estabelecimentos autorizados
 
- Mercearias e supermercados abertos, com lotação limitada a 5 pessoas por 100m2
 
- Restaurantes, bares e cafés só em regime de take-away ou entrega ao domicílio
 
- Estabelecimentos culturais encerrados
 
- Desporto: ginásios, pavilhões e outros recintos desportivos encerrados; exercício individual ao ar livre; seleções nacionais e 1ª divisão sénior sem público
 
- Tribunais abertos
 
O teletrabalho, sempre que possível, é obrigatório. Há também duplicação no valor da multa para a falta de uso de máscara na via pública.
 
REGRAS GERAIS
 
- Ficar em casa;
- Limitar contactos ao agregado familiar;
- Reduzir deslocações ao essencial;
- Usar máscara;
- Manter distanciamento;
- Lavar as mãos;
- Cumprir etiqueta respiratória
Informação em destaque
UMinho: 13ª Start Point Summit arranca hoje
19 de Outubro, 2021
"Os que Nele Habitam” apresentado a 31 de outubro
19 de Outubro, 2021
Rede de Teatros com Programação Acessível apresentada hoje
19 de Outubro, 2021
MAS: exposição Guimarães Project Room até 5 dez
19 de Outubro, 2021
'Os Verdes': cumprimento do rácio de funcionários na SCMG
19 de Outubro, 2021
“Manual de Economia Política” apresentado na UMinho
19 de Outubro, 2021
Publicidade