Guimarães estabelece relações de cooperação com o Cazaquistão
22 de Dezembro, 2020
Guimarães está a estabelecer relações com vista a um acordo de cooperação com o Cazaquistão.
O anúncio foi feito ontem pelo autarca vimaranense, em sede de reunião de câmara. Domingos Bragança notou que Guimarães está a desenvolver esforços para o estabelecimento de relações estruturadas e permanentes com o Cazaquistão, conversações que surgem na sequência da visita do Embaixador do Cazaquistão, Daulet Batrashev, no mês de setembro.
 
O Cazaquistão, Estado da Ásia Central, é o 9º maior país em área e o 63º em população, com os seus cerca de 19 milhões de habitantes. Formada por 140 grupos étnicos de 18 confissões religiosas, a sociedade cazaque é um exemplo de pluralismo e tolerância interétnicos e inter-religiosos. Dispondo de abundantes recursos naturais, onde avultam o petróleo e o gás natural, e considerado o país economicamente mais avançado entre as repúblicas que se tornaram independentes da ex-União Soviética.
 
Domingos Bragança referiu ainda que está planeado um Consulado do Cazaquistão em Guimarães, uma decisão que, segundo o Edil, “passa pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e pelo seu Ministro”, mas que será uma boa oportunidade de afirmação internacional de Guimarães.
Informação em destaque
Dádiva de sangue a baixar. Aumentam apelos à dádiva.
21 de Janeiro, 2021
HSOG: serviço de radiologia alarga leque de procedimentos
21 de Janeiro, 2021
CDPC apela ao cumprimento as restrições do confinamento
21 de Janeiro, 2021
Campeonato de Cálculo Mental Hypatiamat
21 de Janeiro, 2021
Governo decide encerramento dos estabelecimentos de ensino
21 de Janeiro, 2021
Distrito de Braga em alerta devido à chuva e vento forte
21 de Janeiro, 2021
Publicidade