UMinho lidera projeto para investigação microbiana
12 de Fevereiro, 2020

A Universidade do Minho, enquanto sede europeia da Infraestrutura de Investigação de Recursos Microbianos (MIRRI), viu aprovado um projeto de cinco milhões de euros para consolidar e alargar a sua missão ao serviço das ciências biológicas e da bioindústria.

O financiamento provém do Programa Horizonte 2020, da Comissão Europeia. O objetivo é garantir o acesso a um portefólio de meio milhão de microrganismos e sua informação associada, além de serviços altamente especializados e ações de educação e formação profissional contínua.

Por outro lado, além dos atuais 10 países parceiros, que incluem a Federação Russa, quer-se alargar a rede da MIRRI a todos os 27 países da UE, a par de outros países interessados.

Informação em destaque
Jornadas de Cardiologia decorrem em Guimarães
28 de Fevereiro, 2020
SITE Norte promove ação de luta em empresa de cutelaria
27 de Fevereiro, 2020
Elevação do Santuário de São Torcato a Basílica / Feira dos 27
27 de Fevereiro, 2020
Exposição “A Mulher e os regimes Totalitários”
28 de Fevereiro, 2020
Domingos Bragança reúne com ministro da economia
28 de Fevereiro, 2020
CMV: Escolhido voluntário para procjeto em Frontignan La Peyrade
28 de Fevereiro, 2020
Publicidade