Famalicão apresenta projeto-piloto de economia circular
07 de Fevereiro, 2019

A estratégia da formiga (amealhar no tempo quente para usufruir no Inverno) está a ser colocada em prática no município de Vila Nova de Famalicão através de um projeto-piloto de economia circular assente na reutilização de materiais em circuito fechado, que envolve os serviços da proteção civil da autarquia e a empresa famalicense Tec Pellets e que vai permitir aquecer as escolas do concelho de uma forma eficiente e económica.

O processo é simples e traz muitos benefícios, não só ao nível financeiro, mas também ambiental e social. Com o trabalho de limpeza da floresta e de solos de domínio público, os serviços municipais da Proteção Civil recolhem durante o ano, com particular força na primavera, os sobrantes do material vegetal decorrente da limpeza dos terrenos, entregando-os à empresa Tec Pallets.

Com este material, a empresa produz pellets que são depois empregues na alimentação das caldeiras de aquecimento das escolas do concelho, proporcionando conforto e bem-estar às crianças famalicenses, durante o inverno.

O projeto-piloto está a ser desenvolvido com sucesso ao longo deste ano no Jardim de Infância de Requião, onde, na sexta-feira, 8 de fevereiro, pelas 10h30, vai decorrer a assinatura do contrato entre a autarquia famalicense e a empresa produtora das pellets que vai permitir o alargamento do projeto a outras escolas do concelho.

A previsão é que uma escola consuma cerca de 3 toneladas de pellets por ano escolar para o seu aquecimento, sendo que, por cada tonelada o município terá de entregar 12,5 toneladas de material vegetal.

Informação em destaque
Santa Casa realiza obras na Igreja da Misericórdia
15 de Outubro, 2019
Homenagem a José Maria Lima de Carvalho
15 de Outubro, 2019
85º aniversário de abertura do Arquivo Municipal
14 de Outubro, 2019
Exposição "Antigos Instrumentos de Tortura"
15 de Outubro, 2019
15 de Outubro, 2019
V. N. Famalicão – Identificado por posse ilegal de aves
15 de Outubro, 2019
Publicidade