Governo e Universidades assinam Contrato para a Legislatura
16 de Julho, 2016

As instituições de ensino superior públicas e o Governo assinam este sábado, dia 16 de Julho, pelas 12 horas, no Paço dos Duques de Bragança, em Guimarães, um contrato para a legislatura, que reconhece a autonomia efetiva das instituições num contexto de corresponsabilização reforçada e assumindo as metas do Plano Nacional de Reformas, designadamente no que se refere à qualificação da população portuguesa, ao reforço do emprego científico e à convergência do investimento para a concretização das metas europeias.

É adotado um programa solidário de modernização das instituições de ensino superior e de ciência e tecnologia, visando, entre outros aspetos: reduzir o insucesso e o abandono escolar para níveis de referência internacionais; reforçar o nível de internacionalização, em articulação com agendas de investigação e desenvolvimento; e alargar a base social de recrutamento dos estudantes do ensino superior.

O contrato prevê um programa de estímulo ao emprego científico em Portugal, incluindo a contratação de pelo menos três mil docentes e investigadores até 2019 pelas instituições de ensino superior públicas, de modo a contribuir efetivamente para o rejuvenescimento dos seus corpos docente e de investigação, juntamente com uma estratégia de recrutamento de doutores em colaboração com os sectores produtivo, social e cultural.

O contrato estimula ainda a responsabilidade social e cultural das instituições, o esforço mútuo visando melhorar os procedimentos administrativos e, em particular, o compromisso no sentido da promoção da formação e da investigação socialmente responsável prosseguindo os princípios da ciência aberta e da partilha do conhecimento.

Informação em destaque
Estudantes da ESMS em luta esta 2ªf
24 de Março, 2019
AHBVG comemora 142ª aniversário
24 de Março, 2019
Cruz Vermelha inaugura nova sede
22 de Março, 2019
"Mulheres + Activas"
22 de Março, 2019
“São Torcato + Empreendedor”
24 de Março, 2019
“Caminhada pela Floresta”, em Fafe
22 de Março, 2019
Publicidade