PSD pede documentos sobre transacção da Torre da Alfândega
17 de Abril, 2016

O deputado do PSD, Emídio Guerreiro, requereu ao Ministério da Cultura o parecer da Direção Regional da Cultura do Norte relativo à transação da Torre da Alfândega, assim como todas as informações técnicas e despachos produzidos pelos diferentes técnicos e chefias dos serviços que se pronunciaram internamente na então Secretaria de Estado da Cultura. O social-democrata pretende igualmente ter acesso à correspondência entre os diferentes serviços tutelados pelo atual Ministério da Cultura com a Câmara Municipal de Guimarães relativa ao exercício de preferência sobre a aquisição da Torre da Alfandega. O PSD diz que as informações são solicitadas "face a esta deliberada ausência de vontade da Câmara Municipal de Guimarães em exercer o seu direito de preferência, sem que sejam conhecidos os fundamentos objetivos que estiveram na base dessa tomada de decisão".

Informação em destaque
Universidade Sénior Teófilo Braga inaugura instalações
20 de Janeiro, 2018
Cantar dos Reis no Paço dos Duques e nas Taipas
20 de Janeiro, 2018
Centro de Estudos do Desporto – Guimarães
19 de Janeiro, 2018
'Turismo enogastronómico em Guimarães'
20 de Janeiro, 2018
Luís Soares eleito presidente do PS/Guimarães
20 de Janeiro, 2018
Festas em honra de S. Sebastião e Santo Amaro
20 de Janeiro, 2018
Publicidade