PSD critica actuação do presidente da câmara de Guimarães
12 de Abril, 2016

A alegada fuga de informação privilegiada acerca de projetos que a Câmara de Guimarães pretende desenvolver continua a fazer correr tinta.

Na última reunião do executivo, o vereador da Coligação Juntos por Guimarães, André Coelho Lima, desafiou o autarca vimaranense a instaurar um inquérito para apurar a existência de fugas de informação. Face às declarações posteriores de Domingos Bragança, a Coligação Juntos por Guimarães emitiu um comunicado onde dizem lamentar ‘a postura de desresponsabilização do Presidente da autarquia, que se permite lançar suspeições indiscriminadamente sobre todos os trabalhadores da autarquia’.

Na mesma nota é ainda criticado o facto do autarca ‘permitir que se generalize a suspeição e simultaneamente fazendo passar a imagem de que não lhe interessa que se saiba quem na realidade promove essa fuga de informação, uma vez que manifestou nada pretender fazer para a evitar’, pode ler-se.

A Coligação é da opinião que ‘sem um inquérito interno para averiguações, todos ficam implicados. Isso inclui também os representantes políticos que governam os destinos de Guimarães’.

Informação em destaque
Espetáculo evoca lendas de Guimarães
22 de Julho, 2017
Festivais de Folclore em Pevidém, Serzedelo e VNSande
22 de Julho, 2017
Universidade do Minho atribui prémio a jovens designers
22 de Julho, 2017
Emília Gonçalves apresenta livro de poemas
22 de Julho, 2017
CJpG: Salvador Caeiro Brás candidato a Azurém
22 de Julho, 2017
Noites de Verão, em Creixomil
22 de Julho, 2017
Publicidade