PSD acusa câmara de Guimarães de incoerência política
13 de Janeiro, 2016

O vereador do PSD no executivo vimaranense acusa a autarquia de Guimarães de incoerência política. Na última reunião de executivo, André Coelho Lima, apontou que a autarquia não cumpre as propostas do Governo, remetendo para a proposta do executivo de António Costa, de que as grandes obras públicas sejam votadas por uma maioria de dois terços.

O vereador social-democrata afirmou que a nível local isso não acontece, já que o presidente da câmara defende uma coisa para o país, e outra para Guimarães.

Em resposta, o autarca vimaranense, Domingos Bragança, referiu que mais não faz do que tomar as decisões que lhe cabem, derivada da maioria que lhe foi dada pelos vimaranenses.

Informação em destaque
Grupo Folclórico de Souto celebra 60 anos
19 de Maio, 2019
Confraternização de Ponte a S. Torcato realiza-se domingo
19 de Maio, 2019
AVCPV constrói ‘passadeira solidária’
19 de Maio, 2019
Festas em honra de Nossa Senhora de Fátima - Tabuadelo
18 de Maio, 2019
Eleições Europeias: ações de campanha em Guimarães
18 de Maio, 2019
Prémio Príncipe da Beira com candidaturas abertas
19 de Maio, 2019
Publicidade