Candidatura de Couros a Património Mundial
15 de Outubro, 2015

A proposta de candidatura da zona de Couros a Património Mundial da Humanidade da UNESCO foi apresentada, esta manhã, na reunião do executivo vimaranense.

A apresentação foi feita pela responsável da candidatura, a arquitecta Alexandra Gesta.

A proposta visa o alargamento da área classificada pela UNESCO em 2001 que abarca o Centro Histórico da cidade, com uma duplicação da área património mundial.

A área tampão é multiplicada por cinco. No caso de a candidatura ser bem-sucedida, a área de proteção passará a ser cinco vezes superior à atual, criando-se uma zona tampão desde o topo da montanha da Penha, onde nasce a ribeira de Couros, à Veiga de Creixomil, foz de cursos de água.

O pedido de inscrição da Zona de Couros na lista indicativa para o alargamento da área classificada já foi entregue na Comissão Nacional da UNESCO.

A proposta acrescenta os 24,10 hectares da Zona de Couros aos 19,45 hectares do Centro Histórico, o que perfaz um total de 43,55 hectares. Com esta ampliação, a zona de proteção quintuplicaria, passando dos atuais 102,50 hectares para os 581,66 hectares, contribuindo para isso os 483,95 hectares da área tampão a classificar.

Informação em destaque
UMinho integra megaconsórcio europeu
20 de Março, 2019
CLAV cria a 1ª residência Artística Terapêutica do país
20 de Março, 2019
Projeto Tabu! entre os eleitos ao prémio de Boas Práticas
20 de Março, 2019
Silva confirmado no Enterro da Gata 2019
18 de Março, 2019
PR entrega Prémio Mundial de Inovação em Engenharia de Pontes
19 de Março, 2019
I Jornadas de Guitarra de Fafe
20 de Março, 2019
Publicidade