Passos Coelho e Paulo Portas formalizaram acordo em Guimarães
17 de Maio, 2015
Pedro Passos Coelho e Paulo Portas juntaram-se ontem em Guimarães para formalizar o acordo de coligação para as Legislativas 2015 e para assinalar um ano da saída da Troika do país. Perante cerca de 1500 militantes e simpatizantes, o presidente do PSD, garantiu que a coligação não entra em “promessas fáceis, ilusões ou facilidades”, e que se rege pela “responsabilidade e exigência”. Passos Coelho frisou que a coligação “nunca fez o que era mais fácil” e “nunca atirou a toalha ao chão”.
 
Já o líder do CDS explicou as razões da coligação PSD-CDS, referindo que são “os dois partidos fundadores da democracia”. Para Paulo Portas começar a aliança em Guimarães “é uma homenagem à nação”.
 
O líder do PSD de Guimarães, André Coelho Lima, aproveitou o momento para agradecer ao Governo, mostrando-se satisfeito pelo voto de confiança da coligação PSD-CDS em ter escolhido Guimarães para a assinatura do acordo.
Informação em destaque
The Discoveries Centre em Guimarães lançado hoje
23 de Maio, 2017
Detenções por condução sob o efeito do álcool
22 de Maio, 2017
Guimagym angariou 2.400€ para a Cercigui
22 de Maio, 2017
TEDX Guimarães 2017
23 de Maio, 2017
António Magalhães é o mandatário da candidatura do PS Guimarães
23 de Maio, 2017
Embaixadores e académicos falam da “união” do projeto europeu na Uminho
22 de Maio, 2017
Publicidade