PSD: 'Início do ano lectivo pode estar comprometido'
08 de Setembro, 2014
A poucos dias do início do novo ano lectivo ainda não há resposta à providência cautelar interposta pela câmara de Guimarães, em Julho passado, para tentar travar o anunciado encerramento de três escolas do 1.º ciclo do concelho.
Recorde-se que em causa estão as escolas de Gonça, Rendufe e Souto S. Salvador, todas previsivelmente com mais de 21 alunos.
A preocupação foi levada à última reunião de executivo pela vereadora da Coligação PSD / CDS-PP, Helena Soeiro que diz que seja qual for o cenário, de continuidade ou tranferência nos estabelecimentos de ensino, o processo está atrasado e o incio do ano lectivo comprometido para as crianças.
Helena Soeiro responsabiliza a autarquia vimaranense neste processo por não ter agido em tempo últil.
Informação em destaque
Fim-de-semana da Vaca-loura 2020 nas Taipas
04 de Julho, 2020
Organização do areal na fronteira entre Souto e Briteiros
04 de Julho, 2020
Detenção por condução ilegal
03 de Julho, 2020
Gualterianas: apresentação de propostas culturais a decorrer
04 de Julho, 2020
JS Guimarães organiza iniciativa “História e Futuro”
04 de Julho, 2020
Proteção Civil alerta para altas temperaturas no fim-de-semana
04 de Julho, 2020
Publicidade