Congresso: Câmara mostrou tradições de Guimarães
09 de Julho, 2014
Os participantes na segunda edição do Congresso Mundial História do Ambiente, organizado em Guimarães pela Escola de Ciências da Universidade do Minho até ao início da próxima semana, foram recebidos no edifício da Autarquia, ao final da tarde desta terça-feira, 08 de julho.
A iniciativa decorreu nos Claustros da Câmara Municipal de Guimarães e contou com a presença do Professor Mohan Munasinghe, Prémio Nobel da Paz 2007, orador no primeiro dia de congresso, que principiou no Centro Cultural Vila Flor e que decorrerá igualmente no Centro de Formação Pós-Graduada e Instituto de Design.
Num ambiente de confraternização de boas-vindas a Guimarães, o Grupo Folclórico da Corredoura animou o encontro informal.
O Congresso Mundial de História do Ambiente, que decorre em Guimarães até ao dia 14 de julho, propõe-se debater questões em torno da importância da História Ambiental no processo de decisão, reunindo historiadores ambientais de todo o mundo que se concentram num fórum global.
Informação em destaque
Terceira edição do Eco Parlamento
25 de Maio, 2018
PEV: Tertúlia e exposição em Guimarães
25 de Maio, 2018
A visão e a arquitectura marcam o 27º encontro do PubhD UMinho
24 de Maio, 2018
‘Cinema e Cinefilia em Guimarães 1895-1957’
25 de Maio, 2018
Escola de Fafião vai ser requalificada
25 de Maio, 2018
'África Minha' na UF da cidade
25 de Maio, 2018
Publicidade