Alteração de trânsito no âmbito da obra na Rua da Caldeiroa
06 de Novembro, 2020
O início da segunda fase da obra de reperfilamento da Rua de Caldeiroa prevê o reperfilamento a partir da travessa da Caldeiroa ou Madroa, com implicações na alteração do trânsito, num tramo de 100 metros.
A partir do próximo dia 10 de novembro será proibido o trânsito a partir da Travessa da Caldeiroa (saída do Parque de Estacionamento de Camões), por um período de 70 dias. Durante o primeiro mês, a saída do parque de estacionamento irá processar-se pela atual entrada, a partir da Rua da Caldeiroa, adotando o sentido único ascendente até ao Largo Valentim Moreira de Sá/Avenida D. Afonso Henriques.
De forma alternativa, o acesso à Rua da Caldeiroa, entre a acessibilidade do Parque de Estacionamento de Camões e a Av.ª D. Afonso Henriques será feita pelo interior do parque de estacionamento, limitado a veículos ligeiros (altura máxima 2,15 m).
O acesso a veículos com características diferenciadas será garantido mediante articulação prévia com a Polícia Municipal.
Esta intervenção contempla a implementação de zona pedonal e estacionamento lateral ordenado, destinado a pessoas com mobilidade condicionada e a cargas e descargas, assim como execução de passadeiras.
Está a ser efetuado ainda a requalificação de toda a rede de águas pluviais da Rua da Caldeiroa, através da construção de um novo coletor, assim como a intervenção no canal da Ribeira de Couros para permitir o aumento da capacidade de escoamento das águas.
Informação em destaque
Campanha de recolha de bens alimentares na vila de São Torcato
01 de Março, 2021
Campanha de recolha de alimentos em Ponte
01 de Março, 2021
Projeto nacional de tratamento em casa de doentes com DLS
27 de Fevereiro, 2021
Bienal de Ilustração de Guimarães apresentada hoje
01 de Março, 2021
CMG: autarca defende realização das autárquicas em outubro
01 de Março, 2021
Suspensa a circulação de trânsito na variante de Creixomil
27 de Fevereiro, 2021
Publicidade