'Os Verdes' querem reforço de camas em residências universitárias
31 de Maio, 2020

A deputada vimaranense Mariana Silva, do Grupo Parlamentar Os Verdes, entregou na Assembleia da República uma pergunta, em que questiona o Governo, através do Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, sobre o número de camas em residências universitárias a disponibilizar pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior para o ano letivo 2020/2021.

Olhando para a Universidade do Minho, a parlamentar refere que os números da oferta total de camas a preços regulados se mantêm praticamente inalterados. Foram sinalizados dois edifícios em Braga e dois edifícios em Guimarães que seriam alvo de reabilitação, no entanto a antiga Escola Secundária D. Luís de Castro, em Braga, e o Convento Rosa Lima, em Guimarães foram considerados não elegíveis, mantendo-se a expectativa de virem a ser intervencionados os edifícios do Exército, em Braga, e a Escola de Santa Luzia, em Guimarães.

O caso de Santa Luzia, que de acordo com o reitor da UM seria de solução fácil, aguarda, no entanto, há cerca de 2 anos pelo arranque das obras de reabilitação.

Mariana Silva questiona assim a tutela sobre o ponto de situação do processo de reabilitação destes edifícios.

Informação em destaque
Guimarães e Braga vão ficar ligadas por um Metrobus
22 de Outubro, 2020
Covid-19: 17 casos no Lar Rainha D. Leonor
22 de Outubro, 2020
Criança infetada com Covid-19 internada com estirpe da doença rara
22 de Outubro, 2020
UMinho estuda relação entre escrita e sofrimento em estudantes universitários
22 de Outubro, 2020
Equipa multidisciplinar de saúde no apoio às escolas
22 de Outubro, 2020
Gunter Pauli aborda paradigma de desenvolvimento económico
22 de Outubro, 2020
Publicidade