PSD: “Guimarães está na cauda do combate ao desemprego”
03 de Dezembro, 2019
A Comissão Política do PSD considera que Guimarães continua na cauda do combate ao desemprego. Num comunicado enviado às redações, os sociais democratas dão nota que os dados do IEFP divulgados recentemente revelam que “Guimarães é o concelho do Quadrilátero Urbano que menos reduziu o número de inscritos no último ano e está muito abaixo da média dos 14 concelhos do Distrito de Braga”. “Guimarães reduziu 2.9%, a média distrital é cerca de 8% e o concelho que mais desceu foi a Póvoa de Lanhoso com 23% de redução”. O PSD considera que estes dados comprovam o que o PSD tem demonstrado ao longo dos últimos anos, ou seja, que a Câmara Municipal e o Partido Socialista “não têm qualquer estratégia de incentivo à captação de novas empresas nem apoios efectivos à economia concelhia”. Apontam ainda que “a ausência de uma estratégia de diplomacia económica, o total abandono a que estão votados os parques industriais existentes, a inexistência de uma política de solos amiga dos investidores e a forma como foi ignorado o comércio, são factores determinantes para que Guimarães continue com uma taxa de desemprego alta e incapaz de acompanhar a descida dos concelhos com a mesma dimensão. O PSD desafia a Câmara Municipal “a assumir de uma vez por todas que errou, mudando radicalmente a estratégia de forma a tornar este concelho mais competitivo, capaz de atrair novos investidores”.
Informação em destaque
49.ª sessão do Café Memória de Guimarães
24 de Janeiro, 2020
Reunião do Executivo realiza-se na próxima 2ª feira
24 de Janeiro, 2020
SE no debate “Os Caminhos do Futuro: Negócio Internacional”
23 de Janeiro, 2020
Exposição "Antigos Instrumentos de Tortura"
24 de Janeiro, 2020
Guimarães reconhecida como “Cidade Resiliente”
24 de Janeiro, 2020
Câmara de Famalicão descentraliza serviços de fiscalização
24 de Janeiro, 2020
Publicidade