Têxtil - PCP questiona o governo
17 de Abril, 2019

A deputada do PCP, Carla Cruz, questionou por escrito o governo sobre que medidas vão ser tomadas para garantir os direitos dos trabalhadores da Coelima, em Guimarães, nomeadamente, o cumprimento do Contrato Coletivo de Trabalho, que prevê o pagamento do salário até ao segundo dia útil de cada mês.

No início do mês, os trabalhadores da fábrica realizaram uma jornada de luta para reivindicar o pagamento do salário referente ao mês de março e as notícias dão conta que têm sido recorrentes os atrasos no pagamento dos salários.

O PCP tem acompanhado a situação do sector têxtil, nomeadamente no distrito de Braga onde são muitos os postos de trabalho ligados a esta indústria. Recentemente os deputados comunistas apresentaram uma iniciativa parlamentar na Assembleia da República que visa a adopção de medidas urgentes para defesa do sector têxtil e do vestuário nas regiões do Ave e Cávado.

Informação em destaque
Projeto de mediadores municipais e interculturais para Guimarães
24 de Maio, 2019
Guimarães adere à greve estudantil mundial
24 de Maio, 2019
Workshop Ibero Brasileiro sobre Áreas Protegidas
23 de Maio, 2019
MAS inaugura 'Singular do Plural'
24 de Maio, 2019
Eleições Europeias_: Último dia de Campanha
24 de Maio, 2019
UM-Cidades: ciclo sobre territórios inteligentes e sustentáveis
24 de Maio, 2019
Publicidade