BE questiona CMG sobre criação do Provedor do Munícipe
10 de Março, 2019
O Bloco de Esquerda pediu esclarecimentos à Câmara Municipal de Guimarães, relativos à criação do Provedor do Munícipe.
No entender do Bloco de Esquerda, é necessário a criação de novos processos de diálogo, que resultem na modernidade administrativa, na interação constante entre autarquia e munícipes e na realização de serviços de qualidade, pelo que o Bloco de Esquerda defende que a figura do Provedor do Munícipe permitirá o reforço do direito à reclamação e dignificará o direito de cidadania.
 
Em comunicado, o Bloco de Esquerda lembra que a Assembleia Municipal de Guimarães, em reunião realizada a 13 de Abril de 2017, aprovou a recomendação do Bloco de Esquerda, para que o Município de Guimarães procedesse à elaboração do Regulamento e Estatuto, assumindo-se como referência regional na democracia e participação dos cidadãos e cidadãs.
Por isso, o Bloco de Esquerda realça que é urgente que o executivo concretize a Recomendação aprovada na Assembleia Municipal, lê-se ainda na nota enviada às redações.
Informação em destaque
Vimaranense Dinis Ribeiro apresenta livro "Religare"
25 de Janeiro, 2020
Lions Clube de Guimarães concedem bolsas de estudo
25 de Janeiro, 2020
Alzheimer na lógica da Gerontologia é tema da 49.ª sessão do Café Memória
25 de Janeiro, 2020
Exposição "Antigos Instrumentos de Tortura"
24 de Janeiro, 2020
Guimarães reconhecida como “Cidade Resiliente”
24 de Janeiro, 2020
Câmara de Famalicão descentraliza serviços de fiscalização
24 de Janeiro, 2020
Publicidade