Ministro da Economia validou projeto I9G
23 de Fevereiro, 2019

Elaboração de projetos de inovação com o objetivo de transferir conhecimento produzido na Universidade do Minho e outras entidades do Sistema Científico para as empresas sediadas em Guimarães. Este é o conceito que define esta “triangulação perfeita” assente no projeto I9G, apresentado esta sexta-feira ao Ministro Adjunto e da Economia, numa sessão realizada em Guimarães.

Pedro Siza Vieira validou no imediato o documento, depois da assinatura do memorando de entendimento entre a Câmara Municipal, Universidade do Minho e os empresários vimaranenses. “Este projeto demonstra a capacidade de transferir o conhecimento que se produz nas nossas universidades para as nossas empresas e é uma condição decisiva para ganharmos a batalha da competitividade, através pessoas mais qualificadas e com mais investigação para desenvolver os produtos. Importa realçar a participação do Município de Guimarães no sentido de criar condições, ao nível do apoio e contratação de recursos humanos, numa cooperação tripartida com a Universidade e empresários. Isso é muito estimulante”, afirmou o Ministro da Economia.

Pedro Siza Vieira salientou ainda que o exemplo de Guimarães deverá ser replicado. “Os Municípios têm desenvolvido estratégias de apoio económico às empresas de acordo com as necessidades mais imediatas, e este é o novo tipo de desafios que os Municípios se têm de adiantar, sabendo que em todas as cidades onde existem instituições de ensino superior cria-se maior dinamismo empresarial. Por isso, julgo que esta colaboração entre Universidades, Municípios e Empresas é um modelo que vamos ver com mais frequência no futuro”, referiu o Ministro.

Para colocar o projeto I9G na prática será criada uma Academia Industrial, cujo local será em Pevidém (Selho S. Jorge).

Informação em destaque
Alunos do ensino secundário visitam UCA do Hospital
19 de Fevereiro, 2020
Gabinete de Psico-oncologia em Guimarães
19 de Fevereiro, 2020
Mulheres detidas por furto em estabelecimento comercial
18 de Fevereiro, 2020
‘Cruzeiro Seixas – Ao que encontrei tanto e tanto acrescentei’
19 de Fevereiro, 2020
Auto de consignação do desnivelamento do nó de Silvares
19 de Fevereiro, 2020
Famalicão discute autonomia e flexibilização curricular
19 de Fevereiro, 2020
Publicidade