Expansão da rede Guimarães-WIFI
18 de Fevereiro, 2019

As principais áreas do espaço público de interesse no concelho de Guimarães, como Centro Histórico e área urbana contígua, já dispõe do acesso gratuito à rede Guimarães-WIFI com a expansão aos auditórios do Centro Cultural Vila Flor, Multiusos, Turitermas e ainda aos empreendimentos sociais de Azurém, Coradeiras, Creixomil, Mataduços, Mesão Frio, Monte de S. Pedro e Urgezes.

O Guimarães-WIFI é uma rede WI-FI de acesso gratuito à internet, criada em 2005 e que vem sendo expandida até ao presente ano de 2019. Em 2018, o Município de Guimarães integrou os primeiros 2800 municípios europeus contemplados com um vale WiFi4EU pela União Europeia, investimento que permitirá o reforço desta rede e integrará na rede europeia de conectividade sem fios (Wi-Fi) gratuita nos espaços públicos, que a iniciativa WiFi4EU promove.

Atualmente cobre as principais áreas do espaço público de interesse no concelho de Guimarães, no Centro Histórico e área urbana contígua: Largo da Oliveira, Praça de São Tiago, Largo Cónego José Maria Gomes, Largo do Toural, Largo da Misericórdia, Rua Rainha D. Maria II, Largo das Laranjeiras, Largo de Donães, Largo Condessa do Juncal (Feira do Pão), Alameda de S. Dâmaso, Avenida do Brasil (Campo da Feira), Praça da Plataforma das Artes e da Criatividade, Mercado (Feira), envolvente do Instituto do Design à Rua da Ramada, envolvente do Paço dos Duques, envolvente do Palácio Vila Flor.

A partir de agora passa igualmente a estar disponível no Parque da Cidade (envolventes da Alameda Conselho da Europa e lago), Parque da Cidade Desportiva (à pista Gémeos Castro e piscinas), Penha ( Parque de Campismo da Penha e Santuário da Penha - frente à igreja), Centro Cultural Vila Flor (auditórios), Plataforma das Artes e da Criatividade (blackbox e foyer), Multiusos (pavilhão, auditório, salas formação), Turitermas (auditório) e Avepark (auditório).

O Guimarães-WIFI passa a estar disponível ainda nos seguintes serviços: Welcome Centre, Loja de Turismo da praça de São Tiago, Casa da Memória (acolhimento), Salas de Ensaio do Teatro Jordão (acolhimento) e Central de Camionagem (sala de espera).

A grande novidade é a cobertura nos empreendimentos Sociais (salas de apoio) de Azurém, Coradeiras, Creixomil, Mataduços, Mesão Frio, Monte de S. Pedro e Urgezes. A rede WI-FI é constituída por diversos pontos de propagação, oferecendo acesso gratuito, com autenticação usando endereço de correio eletrónico ou via redes sociais.

Este registo garante o cumprimento da diretiva comunitária 2006/24/CE relativa à conservação de dados gerados ou tratados no contexto da oferta de serviços de comunicações eletrónicas publicamente disponíveis ou de redes públicas de comunicações.

Informação em destaque
UMinho integra megaconsórcio europeu
20 de Março, 2019
CLAV cria a 1ª residência Artística Terapêutica do país
20 de Março, 2019
Projeto Tabu! entre os eleitos ao prémio de Boas Práticas
20 de Março, 2019
Silva confirmado no Enterro da Gata 2019
18 de Março, 2019
PR entrega Prémio Mundial de Inovação em Engenharia de Pontes
19 de Março, 2019
I Jornadas de Guitarra de Fafe
20 de Março, 2019
Publicidade