Guimarães solidário com Rio de Janeiro
04 de Setembro, 2018

O Presidente da Câmara Municipal de Guimarães manifestou já total solidariedade ao Prefeito do Rio de Janeiro, cidade com quem é geminada desde 1998, na sequência do incêndio que afetou o acervo do Museu Nacional, um dos mais históricos e científicos do país, com cerca de 20 milhões de peças.

A instituição, criada há 200 anos, foi fundada por João VI, de Portugal, e era o mais antigo e um dos mais importantes museus do Brasil. Na missiva dirigida ao Prefeito Marcelo Crivella, o autarca de Guimarães escreve que “esta não é apenas uma perda para o povo brasileiro, é também uma perda para Portugal, tratando-se o Museu Nacional do Rio de Janeiro de um marco importante da História luso-brasileira”.

Mas, diz, é também uma perda para Guimarães, em virtude dos laços que unem as duas cidades e que se têm fortalecido pelas duas décadas de geminação e consequente cooperação”, pode-se ler-se.

Informação em destaque
Situação pandémica em Guimarães é 'grave'
19 de Outubro, 2020
Contextile 2020 até 25 Outubro
19 de Outubro, 2020
Faleceu o nicolino José Maria Magalhães
19 de Outubro, 2020
AAUM promove START POINT Summit
19 de Outubro, 2020
Governo da Guiné-Bissau em Guimarães para cooperação na área cultural
19 de Outubro, 2020
‘Depressão Bárbara’ coloca distrito em alerta laranja
19 de Outubro, 2020
Publicidade