Candidatura taipense ao Fundo Ambiental Rios e Ribeiras
22 de Agosto, 2018

A candidatura ao Fundo Ambiental do Ministério do Ambiente, apresentada pela Junta de Freguesia e a Brigada Verde de Caldelas, foi elegível, no entanto, não foi objeto de financiamento por se ter ultrapassado a dotação financeira máxima do aviso.

Esta candidatura tinha como principal fim a valorização dos rios e das ribeiras que atravessam a freguesia de Caldelas, através, nomeadamente, do tratamento das suas margens e previa a instalação do Parque de Lazer da Praia Seca junto à foz da Ribeira da Agrela com o Rio Ave.

Na fase de instrução, foram admitidas a concurso 60 candidaturas tendo apenas 14 delas obtido o financiamento desejado, até se atingir a dotação máxima do Aviso que era de 500 mil euros. A candidatura taipense ficou além desta verba.

Informação em destaque
Professores da ESFH produzem clampes para o Hospital de Guimarães
02 de Abril, 2020
COVID-19: Guimarães regista 131 casos confirmados
02 de Abril, 2020
Área Dedicada à COVID-19 no Centro de Saúde da Amorosa
01 de Abril, 2020
COVID-19: CMG diponibiliza dois espaço isolamento profilático
02 de Abril, 2020
Plano Preventivo: CIM desagradada por Norte não ser prioridade
01 de Abril, 2020
IPCA e empresas parceiras produzem 10 mil viseiras
01 de Abril, 2020
Publicidade