HSO: CDU lamenta chumbo do TC para obras nas urgências
28 de Julho, 2018

A CDU de Guimarães lamenta que o TC não tenha aprovado o visto prévio às obras previstas no Serviço de Urgência do Hospital Senhora da Oliveira, alegando "insuficiência de fundos". Em comunicado a CDU de Guimarães “lamenta este novo adiamento", considando que mais uma vez os utentes que recorrem ao serviço de urgências vão continuar a ser prejudicados”. O comunicado começa por explicar o voto favorável do partido na Assembleia Municipal Extraordinária, do passado dia 20 de julho, em que a verba para a requalificação deste serviço do Hospital de Guimarães foi aprovada. “A CDU alertou que este investimento é da responsabilidade do Estado Central, do Governo, pelo que o acordo proposto pela Câmara Municipal para o financiamento da obra nos colocava sérias reservas e dúvidas, mas que face à urgência da obra, o acordo colheria o voto favorável dos eleitos da CDU”, lê-se no documento. A nota da CDU apela a que “as entidades envolvidas resolvam esta situação rapidamente e com o máximo empenho e dedicação. O comunicado termina com o tema da descentralização. “Conclui-se assim, mais uma vez, que a “descentralização” que o PS quer e o PS de Guimarães apoia, só poderá levar-nos por este caminho de abandono e de desigualdades”.

Informação em destaque
Campanha "OFERECE e faz uma criança feliz!"
14 de Dezembro, 2018
CH de Guimarães celebra 17 anos como Património Mundial
13 de Dezembro, 2018
Câmara de Guimarães oferece pinheiros de Natal
13 de Dezembro, 2018
Exposição 'Monges e Guerreiros' no Paço dos Duques
14 de Dezembro, 2018
Banco de Terras atribui os primeiros terrenos
14 de Dezembro, 2018
Joana Marques Vidal nos 25 anos da Escola de Direito da UMinho
14 de Dezembro, 2018
Publicidade