PCP analisa Orçamento de Estado 2018
08 de Novembro, 2017

A discussão da proposta de Orçamento do Estado para 2018 está a decorrer na Assembleia da República e tal como sucede todos os anos, o PCP faz uma análise do documento e as suas implicações para o distrito de Braga.

Neste âmbito, em nota enviada à imprensa, o PCP refere que a proposta de Orçamento do Estado prevê um aumento de transferências para as instituições do ensino superior: Universidade do Minho e Instituto Politécnico do Cávado e Ave.

O PCP regista ainda como positivo a inversão que havia ocorrido em 2017 no que ao hospital de Guimarães diz respeito. Ou seja, contrariamente à proposta para 2017 verifica-se na presente proposta um aumento de verbas a transferir para esta unidade de saúde. Para o Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães, são transferidos 87.773,346€ mais 8.113,775€ do que na proposta para 2017. Ou seja, mais 10,19% do que no ano transato.

No âmbito do processo de discussão na especialidade, que decorre o PCP pretende intervir levando questões de várias áreas, nomeadamente em Guimarães a concretização das obras nos quartéis da GNR de Lordelo e das Taipas e o financiamento da Plataforma das Artes. Nesta matéria, no âmbito da discussão na especialidade, a deputada eleita pelo PCP no círculo eleitoral de Braga, Carla Cruz, questionou o ministro da cultura sobre o financiamento para o Centro Internacional das Artes José de Guimarães, asseverando o governante que o Orçamento do Estado prevê “uma linha de financiamento de 300 mil euros” para a Plataforma das Artes e da Criatividade, montante que será “repartido por três anos”.

Informação em destaque
Feira Afonsina sob o tema “O Tratado de Zamora”
21 de Junho, 2018
PubhD UMinho
21 de Junho, 2018
Guimarães – Detido por tráfico de estupefacientes
21 de Junho, 2018
AVE celebra Solstício de Verão
21 de Junho, 2018
Executivo vimaranense reúne esta quinta-feira
21 de Junho, 2018
S. Torcato comemora 23º aniversário de elevação a vila
21 de Junho, 2018
Publicidade