PCP analisa Orçamento de Estado 2018
08 de Novembro, 2017

A discussão da proposta de Orçamento do Estado para 2018 está a decorrer na Assembleia da República e tal como sucede todos os anos, o PCP faz uma análise do documento e as suas implicações para o distrito de Braga.

Neste âmbito, em nota enviada à imprensa, o PCP refere que a proposta de Orçamento do Estado prevê um aumento de transferências para as instituições do ensino superior: Universidade do Minho e Instituto Politécnico do Cávado e Ave.

O PCP regista ainda como positivo a inversão que havia ocorrido em 2017 no que ao hospital de Guimarães diz respeito. Ou seja, contrariamente à proposta para 2017 verifica-se na presente proposta um aumento de verbas a transferir para esta unidade de saúde. Para o Hospital Senhora da Oliveira, em Guimarães, são transferidos 87.773,346€ mais 8.113,775€ do que na proposta para 2017. Ou seja, mais 10,19% do que no ano transato.

No âmbito do processo de discussão na especialidade, que decorre o PCP pretende intervir levando questões de várias áreas, nomeadamente em Guimarães a concretização das obras nos quartéis da GNR de Lordelo e das Taipas e o financiamento da Plataforma das Artes. Nesta matéria, no âmbito da discussão na especialidade, a deputada eleita pelo PCP no círculo eleitoral de Braga, Carla Cruz, questionou o ministro da cultura sobre o financiamento para o Centro Internacional das Artes José de Guimarães, asseverando o governante que o Orçamento do Estado prevê “uma linha de financiamento de 300 mil euros” para a Plataforma das Artes e da Criatividade, montante que será “repartido por três anos”.

Informação em destaque
Consulta de diagnóstico precoce do Cancro da Cavidade Oral
18 de Novembro, 2017
Multiusos de Guimarães comemora 16 anos
18 de Novembro, 2017
XXVIII Expoaves Guimarães 2017
18 de Novembro, 2017
Património Industrial e sua Museologia
18 de Novembro, 2017
Rui Rio em Guimarães
17 de Novembro, 2017
Período crítico de incêndios prolongado até 23 de novembro
18 de Novembro, 2017
Publicidade