PSD e CDS acusam presidente da câmara de fugir à responsabilidade política
10 de Julho, 2017
PSD e CDS acusaram esta manhã o presidente da câmara de Guimarães de fugir da responsabilidade política no caso que relaciona o arquitecto Filipe Vilas Boas, chefe da Divisão de Desenvolvimento Económico da Câmara de Guimarães, à Ecoibéria.
Na manhã desta segunda-feira, numa conferência de imprensa convocada pelos dois partidos, o líder dos sociais-democratas, César Teixeira, começou por 'pedir desculpa' ao vereador Ricardo Costa a quem foram atribuídas responsabilidades no âmbito do processo, que afinal deviam ser assumidas pelo presidente da câmara.
Também Orlando Coutinho, do CDS-PP, apontou que houve um 'jogo de empurra' na atribuição das responsabilidades políticas deste caso.
Informação em destaque
CERCIGUI constrói o maior puzzle da região
17 de Janeiro, 2021
Trânsito condicionado no nó de Silvares
16 de Janeiro, 2021
Covid-19: 466 novos casos registados numa semana
15 de Janeiro, 2021
BabeliUM promove oferta diversificada em línguas
17 de Janeiro, 2021
Trânsito interdito na Rua Gil Vicente para obras
17 de Janeiro, 2021
IPMA: distrito de Braga em alerta devido ao frio
15 de Janeiro, 2021
Publicidade