PSD e CDS acusam presidente da câmara de fugir à responsabilidade política
10 de Julho, 2017
PSD e CDS acusaram esta manhã o presidente da câmara de Guimarães de fugir da responsabilidade política no caso que relaciona o arquitecto Filipe Vilas Boas, chefe da Divisão de Desenvolvimento Económico da Câmara de Guimarães, à Ecoibéria.
Na manhã desta segunda-feira, numa conferência de imprensa convocada pelos dois partidos, o líder dos sociais-democratas, César Teixeira, começou por 'pedir desculpa' ao vereador Ricardo Costa a quem foram atribuídas responsabilidades no âmbito do processo, que afinal deviam ser assumidas pelo presidente da câmara.
Também Orlando Coutinho, do CDS-PP, apontou que houve um 'jogo de empurra' na atribuição das responsabilidades políticas deste caso.
Informação em destaque
Investigadora da UMinho vence prémio da revista "Nature"
13 de Novembro, 2019
UMinho recebe maior congresso de ciência geográfica do país
13 de Novembro, 2019
Diabetes: atividades junto da comunidade
13 de Novembro, 2019
Guimarães Jazz continua esta quarta-feira
13 de Novembro, 2019
Edgar Morin em Guimarães no CIAJG
13 de Novembro, 2019
Hospital dos Bonequinhos
13 de Novembro, 2019
Publicidade