Projeto «Libertas» mostra-se em Guimarães
07 de Junho, 2017

A Exposição «Libertas» está patente ao público no Museu de Alberto Sampaio, em Guimarães, até 10 de junho.

A nova exposição temporária do Museu de Alberto Sampaio procura sensibilizar o visitante para a problemática dos Direitos Humanos.

Composta por sete instalações artístico-fotográficas ilustrativas de uma obra de sete autores que sofreram represálias pelo seu trabalho, a mostra procura homenagear nomes como Federico García Lorca, Orhan Pamuk e Lio Xiaobo.

Ao Libertas inicial associou-se um espaço expositivo dedicado a Miguel Torga, por iniciativa da Direção Regional de Cultura do Norte, aceite o desafio da Junta da Galiza para que se integrasse um escritor da região Norte de Portugal.

A presença desta exposição no Museu de Alberto Sampaio, em Guimarães, resulta de uma iniciativa conjunta da Direção Regional de Cultura do Norte e da Junta da Galiza, no âmbito do projeto Nortear, apoiado pelo Interreg VA, que decorre da assinatura de um memorando de entendimento celebrado entre a Consellería de Cultura, Educación Y Ordenación Universitaria (Espanha), a Direção Regional de Cultura do Norte e o Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial Galiza-Norte de Portugal, e que visa, entre outros objetivos, fomentar ações conjuntas de colaboração que estimulem o conhecimento mútuo entre as respetivas cidadanias.

Informação em destaque
Lions suspendem peditório de rua da LPCC 2020
26 de Outubro, 2020
Teleférico de Guimarães com novo horário
26 de Outubro, 2020
Covid-19: 401 novos casos em Guimarães
26 de Outubro, 2020
“Minho Storytelling – Novos Olhares sobre o Minho”
26 de Outubro, 2020
Executivo vimaranense reúne esta segunda-feira
26 de Outubro, 2020
IPCA: 1ª Edição da summer school com avaliação positiva
26 de Outubro, 2020
Publicidade