“Portugal e o Futuro: Consigo, na Europa e no Mundo” no CCVF
23 de Março, 2013

Este sábado, às 18h00, no Pequeno Auditório do Centro Cultural Vila Flor, a conferência “Portugal e o Futuro: Consigo, na Europa e no Mundo” fecha o “O Castelo em 3 Atos: Assalto, Destruição e Reconstrução”. Integrado em Guimarães 2012 Capital Europeia da Cultura, e comissariado por Paulo Cunha e Silva, o projeto arrancou a 14 de Abril de 2012 com a Exposição “Assalto ao Castelo”, no Paço dos Duques, e com várias ações performativas no Castelo de Guimarães e espaço envolvente. Desde o lançamento, há quase um ano, “O Castelo” abarcou múltiplas iniciativas, desde ciclos e encomendas de cinema, até encomendas de inéditos literários para edição. Este ano, numa altura em que cresce o cepticismo relativo ao futuro do país, Guimarães 2012 dá palco à discussão (re)construtiva – ultrapassando o comentário fácil –, no sentido de uma “Reconstrução” necessária há muito – depois das fases anteriores “Assalto” e da “Destruição”. Para moderar o debate, foi convidado o Embaixador Fernando d’ Oliveira Neves, sagaz conhecedor da relação de Portugal com a Europa. Oliveira Neves foi um dos negociadores da adesão de Portugal à União Europeia e é ex-Secretário de Estado dos Assuntos Europeus no primeiro Governo Sócrates. Como oradores, marcam presença Adriano Moreira, Rui Machete e António Correia de Campos, pensadores conhecidos pela sua incondicional liberdade de pensamento e pelo seu inconformismo político e social.

Informação em destaque
SE Adjunto e do Ambiente fala de mobilidade urbana na UMinho
28 de Abril, 2017
Projeto da centralidade das Taipas em consulta na Junta de Freguesia
26 de Abril, 2017
UF da Cidade: Assembleia de Freguesia
26 de Abril, 2017
'O legado de Guimarães Capital Europeia da Cultura 2012'
27 de Abril, 2017
Executivo Vimaranense reúne esta quinta-feira
27 de Abril, 2017
Inscrições acesso curso secundário de música
27 de Abril, 2017
Publicidade