Residência artística Contextile
08 de Julho, 2014
Está a decorrer na Oficina, em Guimarães, desde 28 de Junho, no âmbito da Contextile 2014, a residência artística da norte-americana Cindy Steiler com bordadeiras vimaranenses.
A artista, que participou na primeira edição da bienal, em 2012, diz que bordar acaba por ser uma forma de afirmação das mulheres. Para Cindy, o acto de bordar é “uma forma de estabelecer relações entre pessoas e entre gerações”. A artista mostra-se contente por poder aprender os pontos e as técnicas do bordado tradicional de Guimarães e a barreira da língua não parece ser um problema quando se comunica com linhas e agulhas.
As bordadeiras também estão entusiasmadas por partilharem conhecimentos com a norte-americana. As obras que resultarem desta residência artística serão expostas na Casa da Memória durante a Contextile 2014, que arranca a 26 de Julho.
Informação em destaque
Hospital de Guimarães com mais nascimentos que em 2019
04 de Agosto, 2020
BE quer requalificação da ETAR de Serzedo
04 de Agosto, 2020
GNR: Apreensão de armas no âmbito de maus-tratos a animais
03 de Agosto, 2020
Fest’in Folk Corredoura enaltece memórias
04 de Agosto, 2020
PCP: “Jornada de apelo à luta no setor têxtil e calçado”
04 de Agosto, 2020
Circo Contemporâneo do INAC no Anima-te
04 de Agosto, 2020
Publicidade