Clã e Nástio Mosquito encerram WestWay Lab Festival
17 de Abril, 2014
O WestWay Lab Festival prossegue em Guimarães até 19 de abril. O programa para a última semana do festival reserva ainda residências artísticas, talks, showcases, networking, debates, workshops, keynote speeches e os concertos dos Clã e Nástio Mosquito.
Assim, no próximo sábado (19 de abril), último dia do WestWay Lab Festival 1.0, os Clã rumam pelas 22h00 ao Grande Auditório do CCVF para apresentar o novo disco da banda, “Corrente”.
A encerrar o primeiro momento do WestWay Lab Festival, Nástio Mosquito revela o seu álbum de estreia à meia-noite no Café Concerto, também no CCVF.
No final da atuação de Nástio Mosquito, o festival fecha com um DJ set no Café Concerto protagonizado por Jorge Caiado, jovem produtor que frequentou a Red Bull Music Academy 2011 em Madrid.
Ao longo da semana, um novo conjunto de artistas regionais, nacionais e internacionais estarão em residência no Centro de Criação de Candoso. Daqui surgirão novos cruzamentos, com direito a diálogos, arte e interculturalidade, constituindo formações musicais que, após o período em residência, apresentarão o resultado do trabalho desenvolvido.
Esta quinta e sexta-feira, os finais das tardes no Centro Histórico de Guimarães voltam a convidar à conversa (talks) em ambientes informais, juntando e envolvendo os artistas em residência e a comunidade local.
Os pontos de encontro serão a Casa Amarela (17 abril) e o Tio Júlio (18 abril), sempre às 18h00, antecedendo os showcases da noite na praça de Couros. Assim, nestes mesmos dias, o novo palco do renovado Bairro de Couros servirá de sala de estar para a apresentação do trabalho desenvolvido em contexto, onde serão apresentados todos os projetos criados, sempre às 22h00.
À semelhança da semana passada, a manhã de sexta-feira (18 de abril) é reservada a uma sessão de Networking, com início marcado para as 10h00 na sala de conferências da Plataforma das Artes e da Criatividade (PAC).
Também no mesmo local, o dia seguinte (19 de abril) será inteiramente dedicado ao conhecimento. Debates, workshops e keynote speeches, entre as 10h00 e as 17h30, servirão de ponto de partida para a criação de plataformas de reflexão sobre o papel da tecnologia, novos media e da criatividade no desenvolvimento económico e social dos lugares.
Informação em destaque
I Congresso “A Morte: Leituras da Humana Condição”
21 de Janeiro, 2019
Dia das Bandeiras Verdes 2019 no Multiusos de Guimarães
21 de Janeiro, 2019
Parlamento dos Jovens no Colégio do Ave
18 de Janeiro, 2019
Curso de videoarte no Museu
21 de Janeiro, 2019
Primeira pedra para a construção do Centro de Dia em Briteiros
21 de Janeiro, 2019
Triciclo até Março em Barcelos
22 de Janeiro, 2019
Publicidade