Cultura regressa a Guimarães com Lufada
10 de Junho, 2020

A Oficina concebeu um programa excecional para tempos excecionais.

A fruição das artes ocupará, entre junho e julho, pátios, jardins e salas de museu com uma programação de artes performativas, visuais e ações formativas.

Foram trabalhadas as escalas, a diferente natureza das propostas e sobretudo o contexto de segurança da sua apresentação e vivência, para que a experiência da relação com os públicos seja integral. Neste tempo de desconfinamento, subsistem medidas de segurança e confiança.

“Sentimos que Guimarães, e as pessoas, precisam de voltar a ter cultura e agenda. Estamos a fazer este caminho, com um regresso leve e a espaço improváveis, numa interligação com artistas locais”, assinalou a Vereadora da Cultura, Adelina Pinto, na conferência de imprensa realizada esta terça-feira, na praça coberta do Centro Cultural Vila Flor.

O programa contempla momentos, apenas, para as sextas-feiras (dias 19 e 26 de junho e dias 3 e 10 de julho). “Procuramos os finais de tarde de sexta-feira para criar estes momentos, no sentido de não concorrer com outros momentos e sobretudo ao fim de semana”, explicou o diretor artístico do Centro Cultural Vila Flor, Rui Torrinha.

Estão agendados os espetáculos The BJazz Choir (19 de junho, às 19h00 nos Jardins do Palácio Vila Flor); Madame – Conversas Privadas em Espaço Público com António Alvarenga e Leonor Barata (dia 26 de junho, às 18h00, no Terreiro do Palácio Vila Flor) e Benjamim (dia 26 de junho, às 19h00, no pátio do CCVF).

Em julho, está agendado o concerto de Minta & The Brook Trout (dia 3, às 19h00, nos Jardins do Palácio Vila Flor) e o concerto de Pedro Emanuel Pereira (dia 10, às 19h00, no Pátio do CCVF).

Nesse mesmo dia, às 21h45, será exibido o filme-concerto “Surdina”, de Rodrigo Areias, com música de Tó Trips e em colaboração com o Cineclube de Guimarães.

A entrada para estes espetáculos é livre, com lotação dos espaços a variar entre as 40 e 70 pessoas, estando no entanto salvaguardada a emissão de grande parte dos concertos via streaming, garantindo que todos podem assistir.

No âmbito deste programa estão ainda previstas visitas e oficinas com propostas na Casa da Memória de Guimarães, no Centro Internacional das Artes José de Guimarães e no Palácio Vila Flor.

Informação em destaque
UM: Ecoembalagens destacadas pela Comissão Europeia
10 de Agosto, 2020
Pousada Mosteiro de Guimarães aguarda condições para retoma
10 de Agosto, 2020
Equipamentos de recolha de resíduos destruídos em Creixomil
09 de Agosto, 2020
Museu de Alberto Sampaio com entradas gratuitas
10 de Agosto, 2020
Eduardo Fernandes reeleito líder da JSD Guimarães
10 de Agosto, 2020
Alargamento de horário em estabelecimentos do CH
10 de Agosto, 2020
Publicidade