Covid-19: regras para uma alimentação segura
26 de Março, 2020

O gabinete da Ministra da Agricultura recomenda aos cidadãos que não tomem em conta as notícias falsas ou não fundamentadas e os boatos que circulam neste período acerca da contaminação pelo novo coronavírus através dos alimentos, nomeadamente frescos.

O Conselho Científico da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, recomenda que antes da preparação, confeção e consumo de alimentos, se devem reforçar as medidas de higiene que já antes da pandemia eram recomendadas:

- Lavar longamente as mãos secando-as em seguida, tendo cuidado de não voltar a por a mão lavada na torneira, fechando-a com uma toalha de papel;

- Desinfetar as bancadas de trabalho e as mesas com produtos de limpeza;

- Não misturar comida cozinhada e crua durante a preparação;

- Evitar partilhar comida ou objetos durante a refeição;

- Lavar longamente os alimentos crus.

Não havendo provas científicas de que o novo coronavírus seja transmissível através da ingestão de comida, devem, contudo, ser mantidas e reforçadas as medidas de prevenção de higiene pessoal e da cozinha seja em casa ou em cozinhas profissionais.

A ASAE acompanha esta situação de forma contínua e sempre que se justifique divulgará novas informações.

Informação em destaque
CMG cede espaço para sede da Delegação de Guimarães da OA
05 de Dezembro, 2020
Dia Internacional dos Voluntários com partilha de testemunhos
05 de Dezembro, 2020
CVP: juramento de compromisso de 12 socorristas
05 de Dezembro, 2020
“em Guimarães”: Orquestra do Norte grava espetáculo
05 de Dezembro, 2020
Fim-de-semana volta a ter recolher obrigatório às 13h
05 de Dezembro, 2020
Vizela: comerciantes podem aderir ao cheque família até 09 dezembro
05 de Dezembro, 2020
Publicidade